Instituto Memória - Centro de Estudos da Contemporaneidade Instituto Memória - 15 anos Instituto Memória - Televendas - 41.3016 9042
 

PESQUISA
Pesquisa por Título ou Autor/Colaborador:

Texto da Pesquisa:


clique na capa para ampliar

RAPOSAS E OUTSIDERS NO FUTEBOL PARANAENSE: UM ESTUDO SOBRE RELAÇÕES DE PODER E GENEALOGIA

Autor: Luiz Demétrio Janz Laibida
Páginas: 306 pgs.
Ano da Publicação: 2019
Editora: Instituto Memória
De: R$ 150,00 - por: R$ 120,00

SINOPSE

PREFÁCIO:  Preparem-se para uma viagem fascinante, longa, detalhada, rica em informações e, pela sua profundidade, absolutamente arrebatadora em torno de tudo que aconteceu no centenário futebol paranaense.

O autor mergulhou nas entranhas dos clubes, destrinchando a história de cada um, mas, sobretudo, voltado para os personagens que criaram, cultivaram e mantiveram a bola rolando durante tantos anos pelos gramados do nosso Estado.

O levantamento dos fatos, a checagem cronológica dos acontecimentos, a qualificação dos tipos que se entregaram de corpo e alma a grandeza dos times nos primeiros tempos e o oportunismo dos dirigentes das últimas décadas quando o futebol passou a ser dominado pela mercantilização do espetáculo mais popular do país, tudo foi realizado com método. Sem perder de vista o folclore e a beleza natural do jogo de futebol. CARNEIRO NETO - Jornalista, radialista e membro da Academia Paranaense de Letras

SINOPSE: Este trabalho tem como objetivo analisar como se configuram as relações de poder, na estrutura genealógica e de reprodução do mesmo, no interior dos quatro clubes de futebol da capital do Paraná (Atlético, Coritiba, Paraná e J.Malucelli), bem como avaliar a composição da Federação Paranaense de Futebol na esfera do poder. Utilizando-se de aspectos genealógicos para estabelecer relações entre a estrutura vigente dessas organizações e o poder político local, visto que, no Brasil, poucas regiões são tão expressivas pela dominação de grupos familiares como o Paraná, esta análise se justifica pela recorrência de vários nomes da política local que também se fazem presentes na elite do futebol (Requião, Mello, Malucelli, Fruet, pelos principais). Um instrumento usado para análise será o mapeamento das principais famílias que configuram o campo futebolístico paranaense e que também fazem parte da política do Estado. Para tanto, o universo empírico dessa análise é o mapeamento e excertos de trajetórias dos presidentes dos clubes de Curitiba e da Federação Paranaense de Futebol. Os aportes teóricos utilizados para a consecução deste trabalho serão delineados pelos constructos elaborados por Pierre Bourdieu, Roberto DaMatta, os clássicos da Sociologia, entre outros. A principal contribuição de uma análise nesses moldes, além de ser um mapeamento dos principais dirigentes do futebol paranaense, é a aproximação de um estudo das elites locais com os estudos do futebol, via transferências de capitais entre os campos, que possuem formas de recrutamentos diversos, mas que se estruturam e se consolidam a partir de uma mesma lógica: a da manutenção e reprodução de poder. Será desenvolvida, também, uma análise sintética do futebol inserido no campo da globalização, demonstrando as inferências mundiais na construção de novos paradigmas no poder local e, no caso do futebol, enfatizando os clubes do futebol da capital e quais os novos “perfis” de dirigentes dos clubes advindos do processo de globalização foram estabelecidos, ou seja, “as raposas” e os “outsiders” do futebol aliadas à lógica mercadológica, que trata o futebol como um negócio, enaltecendo o marketing, patrocínios de multinacionais, além do perfil do administrador de empresas para presidir os clubes de futebol.

O AUTOR: Luiz Demétrio Janz Laibida - Bacharel e Licenciado em Ciências Sociais pela Universidade Federal do Paraná (UFPR) em 2003/2004, Especialista em Gestão e Inovação de Educação a Distância pela FESP (Faculdade de Estudos Sociais do Paraná), em 2014, Mestre em Sociologia pela Universidade Federal do Paraná (UFPR), em 2007, Doutor em Sociologia pela Universidade Federal do Paraná (UFPR), 2016 e Pós Doutorando em Sociologia pela Universidade Federal do Paraná (UFPR), 2018, com trabalhos de Pós Doutoramento aprovados para 2019 em Coimbra Portugal no renomado Centro de Estudos Sociais da |Universidade de Coimbra (Portugal) e Universidad Iberoamericana, Ciudad de México (México), Departamento de Ciencias Sociales y Políticas. Professor de Sociologia do Quadro Próprio do Magistério do Estado do Paraná, desde 2003, professor com diversas experiências em Cursos Superiores de Graduação de Instituições Privadas, nos cursos de Pedagogia, Direito, Administração, Turismo e Sistemas de Informação, desde 2008.