Instituto Memória - Centro de Estudos da Contemporaneidade Instituto Memória - 15 anos Instituto Memória - Televendas - 41.3016 9042
 

PESQUISA
Pesquisa por Título ou Autor/Colaborador:

Texto da Pesquisa:


clique na capa para ampliar

Por toda vida

Autor: Saulo Santos Tobias
Páginas: 130 pgs.
Ano da Publicação: 2018
Editora: Instituto Memória
Preço: R$ 40,00

SINOPSE

APRESENTAÇÃO

Eu me lembro como se fosse ontem, meu coração acelerou ao ouvir alguém citar a frase de Benjamin Franklin que diz: “Ou você escreve algo que valha a leitura, ou fazes algo que renda um bom livro”.

Desde então minha luta foi: Sobre o que escrever? Como escrever, para que e para quem escrever? Tendo em vista que, não importa se o que será escrito é ficção ou realidade, cada página revela a personalidade do autor.

E foi assim que me despi de toda formalidade e optei pela simplicidade, na esperança de que minhas palavras possam ser avaliadas por um Doutor e entendidas por um leigo, para que elas tragam reflexão ao experiente e sejam um guia para o neófito.

Escrevi com expectativa de as pessoas encontrarem respostas a alguns questionamentos que trazem angústia à geração presente: Por que as relações não duram? Como alguém pode desejar uma pessoa tão intensamente durante a noite, e depois não querer contato com essa pessoa quando amanhece o dia?

Para tanto escrevi de forma poética e, a fim de não passar a impressão de que sou um expert em relacionamentos, convidei pessoas especiais para contribuírem com pequenas reflexões sobre os temas abordados. A esses minha gratidão, especialmente ao meu irmão Oswaldo J. Viera da Silva, detentor de um talento insigne, ele conseguiu através de sua arte dar vida a cada poesia.

Somos a geração que para encontrar o que quer basta dar um clique, temos o mundo na palma das mãos, não obstante estamos perdidos no mundo, estamos perdendo a essência, aliás onde está a sua alma? Você sabe quantas almas o habitam ou quantos pedaços de sua alma podem estar em outros corpos?

Escrevo para que a geração do wi-fi não permaneça desconectada, para que na aquisição de aparelhos não venhamos a perder os sentimentos e escrevo para os que preferem variedade e diversificação a fim de conscientizá-los de que a alma é monogâmica e mesmo neste tempo em que tudo é programado para funcionar durante um determinado átimo pessoas consigam permanecer juntas, POR TODA VIDA.

 

Saulo Santos Tobias

(O Poeta)